IndieVisível,Jogando a Sério

Não é só uma pose, saca?

25 abr , 2016  

No final de março a indústria de jogos foi consumida mais uma vez pelo debate sobre liberdade artística e igualdade de gêneros. Isso porque a Blizzard cometeu um deslize adicionando uma pose sensual para a personagem Tracer do jogo Overwatch. Mas por que “deslize”, se tantas outras personagens esbanjam sensualidade nos jogos? Bem, porque adicionar uma pose sexy pra Tracer não tem absolutamente nada a ver com a mensagem que a Blizzard queria passar sobre a personalidade da personagem.

E você pode dizer: “Mas uma pose ia mudar tanto assim a personalidade da personagem?”. E a resposta correta é: não é “só uma pose”. É a deturpação da identidade da personagem.

Leia mais…

, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

IndieVisível,IndieVisível Recomenda

IndieVisível Recomenda #2: Papo & Yo

1 abr , 2016  

De vez em quando aparecem aqueles jogos que te atingem tão profundamente que parece que de alguma forma o criador escutou você e suas angústias. Momentos que você achou que tinha esquecido acabam sendo relembrados, mas de um ponto de vista completamente diferente. Você muda aos poucos sua perspectiva sobre o mundo, sobre si mesmo, e por fim ainda consegue descobrir que da maior das dores pode sair algo bonito. Foi assim que me senti com Papo & Yo.

Leia mais…

, , , , , , , , , , ,